7 Regras para Usar Fotos de Bancos de Imagens em Design Gráfico

Você é um designer gráfico? Então, não preciso dizer o quão úteis as fotos podem ser para o seu processo criativo. Fotos profissionais econômicas prontas para usar em seus projetos de maneira legal e segura. Não é fantástico? Mesmo assim, você ainda pode ter dúvidas sobre como usar fotos em seu trabalho. Por isso, conte com nossa ajuda para saber como trabalhar com bancos de imagens em design gráfico.

Embora você tenha noções básicas sobre como as fotos royalty-free (livre de direitos autorais) funcionam, pode haver casos em que você tenha dúvidas se o uso pretendido é legal ou que tipo de licença deve ser solicitada. Não deixe de ler esse artigo!

Compre Fotos Baratas de Alta Qualidade
Você obterá as melhores fotos profissionais de alta resolução e totalmente seguras para usar em trabalhos profissionais nos bancos de imagens mais econômicos que listamos aqui!

As 7 Regras Básicas para Usar Bancos de Imagens em Design Gráfico

Antes de irmos para a lista, é importante observar que cada banco de imagens pode modificar, remover ou adicionar condições às licenças de suas fotos e aos termos de uso de seus serviços. Embora estejamos falando de questões gerais, comuns em todos eles, você deve sempre ler em detalhes o contrato de licença e os termos de uso do banco de imagens de sua preferência antes de comprar, baixar e usar as fotos selecionadas, para ter certeza de que seu uso está incluído neles.

Fotos de Bancos de Imagens podem ser para o uso Comercial e Editorial

A licença livre de direitos autorais (a mais comum em fotos econômicas) possui dois usos principais: Uso Comercial e Uso Editorial. O uso comercial de fotos requer diferentes autorizações e atribuições de direitos, não apenas pelo autor da imagem, mas também pelas pessoas que nelas aparecem, bem como pelas propriedades privadas ou marcas registradas que estão incluídas. As fotos de uso comercial passam por uma verificação para que as permissões estejam em ordem.

O uso editorial não exige tais permissões, porque as fotos serão destinadas apenas ao conteúdo editorial que não gera lucros diretos. Qualquer foto com pessoas reconhecíveis, propriedades privadas ou marcas registradas sem permissão pode ser catalogada como uso editorial, permitindo assim o uso de fotos de pessoas famosas, eventos privados e paisagens urbanas, por exemplo.

Se eu vender meu projeto para um cliente, será considerado uso comercial? Não necessariamente. O fator relevante é o uso final do projeto. Se o seu cliente é um escritor e quer projetos para ilustrar o seu trabalho (com exceção da capa e contracapa), o uso seria editorial. Se o cliente usar o design para marketing e publicidade, redes sociais e outras atividades destinadas a promover um negócio, então será uso comercial.

Posso usar uma foto comercial em um design editorial? Geralmente sim. Fotos de uso comercial têm as autorizações legais necessárias, e geralmente não há problemas em usá-las para fins editoriais.

Posso usar uma foto editorial em um projeto comercial? NÃO. E é importante lembrar disso. As fotos para uso editorial não possuem as atribuições de direitos necessárias para usá-las em projetos comerciais. Fazer isso é uma violação grave da licença de uso e pode trazer muitos problemas legais, principalmente quando se trata de fotos de pessoas famosas, marcas ou logotipos conhecidos, etc.

de volta ao menu ↑

As Fotos de Bancos de Imagens permitem que você as Use Legalmente, mas sem Direito de Propriedade

A licença livre de direitos autorais e a grande maioria das licenças disponíveis dão a você o direito de usar uma foto legalmente em seu trabalho ou em sua empresa. Mas elas não lhe dão o direito de propriedade da foto. Quando falamos em comprar fotos, falamos em adquirir o direito de uso, ou seja, a foto nunca é sua: ela sempre pertencerá ao fotógrafo, autor ou dono dos direitos autorais dela.

Por quanto tempo posso usar uma foto de um banco de imagem? Depende da licença que você adquire. Se é livre de direitos autorais, poderá usa-lá pra sempre pagando somente uma vez. Em outros tipos de licença, poderá haver restrições de tempo de uso.

Quantas vezes posso usar uma foto de um banco de imagem? Novamente, isso vai depender dos termos da sua licença. Na licença livre de direitos autorais, não há limite para o número de vezes que você pode usá-las. Você pode usar a mesma foto em designs para diferentes clientes, bem como diferentes designs para o mesmo cliente, por exemplo. Alguns bancos restringem o uso a um único design por licença, mas não são muitos. Já em outros modelos de licença podem se aplicar diferentes restrições.

E se eu quiser ser o único que utilize uma foto? Adquirir direitos exclusivos para usar uma foto nem sempre é possível. Com a licença livre de direitos autorais essa possibilidade é praticamente impossível, havendo raras excessões. Porém, existem outras licenças que a tornam possível, embora geralmente por um tempo limitado. Em ambos os casos, o custo é muito maior que o preço padrão.

E se eu quiser adquirir a propriedade total de uma foto? Mais uma vez, nem sempre é possível. Nos bancos de imagens, essa opção é praticamente impossível. Existem algumas exceções, mas em geral se você quiser comprar os direitos autorais permanentementes de uma foto, você deve contatar e negociar diretamente com o autor, e dificilmente os bancos fornecem dados do autor.

de volta ao menu ↑

As Fotografias de Bancos de Imagem são Intransferíveis

A licença livre de direitos autorais e a maioria das outras licenças para uso de fotos, definem que essas fotos são intransferíveis: quem compra a licença é o único proprietário dos direitos de uso da foto, e sua revenda é totalmente proibida. Você pode usar a foto que comprou quantas vezes quiser, em quantos projetos quiser, mas não pode transferir esse direito de uso da imagem para ninguém (independentemente se está dando ou vendendo). Se alguém além de você usar a foto, esse uso é considerado ilegal.

E se eu criar um projeto para um cliente e este for o único que vai usá-lo? Na maioria dos bancos de imagens, esse uso é permitido e está dentro da licença padrão contanto que você use a foto em um projeto de sua autoria e, em seguida, venda a um determinado cliente. É importante notar que o cliente recebe de você o direito de usar seu projeto com a foto incluída e NÃO o direito de usar a foto original. Se você quiser evitar confusão ou se seu cliente desejar ter a foto para projetos futuros, é conveniente que ambos comprem uma licença ou que o cliente escolha e compre a foto com sua conta pessoal.

E se eu quiser vender muitas cópias do mesmo projeto? Independente se são reproduções digitais ou impressas, isso é considerado “uso em produtos para revenda” e é proibido pela licença padrão. Mas em quase todos os bancos de imagens, é possível ter esse direito adquirindo uma licença Estendida por um preço maior.

de volta ao menu ↑

As Fotos de Banco de Imagens devem ser Modificadas para seu uso

A licença livre de direitos autorais permite que você use as fotos em projetos de sua autoria. Isso significa que você precisa modificar a foto original para criar seu próprio design e usar (você ou o cliente final) publicamente.

O que são consideradas modificações na foto? Uma foto de banco de imagens é considerada modificada se não for publicada exatamente como foi baixada do banco de imagens. Isso inclui alterações na própria fotografia (modificar cor, brilho, contraste etc.), mas não somente isso. Se você gosta da imagem como está e for usá-la em um projeto maior ou adicionar elementos externos, como texto, logotipos, bordas, formas, gráficos, etc., isso também constitui em modificações no arquivo original.

E se eu quiser usar a foto original? Se você quiser usar a imagem exatamente como baixou sem efetuar qualquer alteração (para decoração, por exemplo), alguns bancos oferecem essa possibilidade sob licença estendida. Em outros casos, é proibido. Tenha em mente que adicionar filtros ou alterar o balanço de cores é uma maneira simples de alterar a imagem original sem modificá-la demais.

de volta ao menu ↑

As Fotos de Bancos de Imagens não Podem ser Usadas com Conotação Negativa

Quase todos os bancos de imagens proíbem em suas licenças que as fotos sejam usadas de uma forma que cause uma imagem negativa sobre elas, bem como sobre as pessoas ou propriedades privadas nelas retratadas, ou sobre seus autores ou seu respectivo banco de imagens. Assim, as fotos de bancos de imagens não podem ser usadas em conteúdo que promova violência, racismo, discriminação, delito e atividades criminosas, ódio ou outros temas semelhantes.

Quem decide se um projeto tem conotação negativa? O banco de imagens, o autor da foto e o público. Mas, em geral, esses critérios são baseados no senso comum. Se uma foto de banco de imagens que mostra homens encapuzados causando tumultos está acompanhada por um texto que exalta essa atitude, será considerado promoção da violência e da atividade criminosa, por exemplo.

de volta ao menu ↑

As Fotos de Bancos de Imagens Não podem Promover Produtos de Forma Direta

A licença livre de direitos autorais e várias outras proíbem o uso de fotos de pessoas de tal maneira que elas promovam pessoalmente um produto ou serviço. Esta proibição baseia-se no fato de que os modelos das fotos cederam o uso de sua imagem pessoal de maneira geral e não para promover um produto em particular.

O que constitui endosso ou promoção direta? É sugerir ou estabelecer que a pessoa na imagem usa, recomenda ou promove o produto ou serviço em questão. Por exemplo, se você usar uma foto de uma mulher sorrindo em um anúncio de um consultório odontológico, estará dentro das regras. Mas se você adicionar um texto que diz “Maria se consulta mensalmente conosco e seu sorriso é prova disso”, é endosso direto e viola as regras. Agora, se o texto diz “Venha à sua consulta mensal e mantenha o seu sorriso”, o uso é permitido e é legal. Lembre-se, a promoção comercial é legal, somente o endosso direto é proibido.

de volta ao menu ↑

As Fotos de Bancos de Imagens são Restringidas para uso de Conteúdo Sensível

Os bancos de imagens geralmente incluem em seus termos de uso que todas as fotos estão sujeitas a restrições de uso em caso de temas e tópicos de conteúdo sensível. Isso se aplica tanto ao público quanto à pessoas, propriedade privada e marcas registradas incluídas na imagem.

O que constitui uso sensível? Normalmente tem sentido comum, mas neste caso está sujeito a interpretação. Em geral, o uso sensível inclui propaganda política, questões relacionadas à religião, doenças graves, conteúdo para adultos, entre outros. Se você for projetar um folder de propaganda para um movimento político ou um gráfico para uma nova campanha de prevenção de doenças, você deve consultar diretamente o banco de imagens escolhido para ver se o uso está dentro dos parâmetros permitidos.

Seus Projetos Melhores e mais Seguros com fotos de Bancos de Imagens!

Agora que você conhece as principais regras para trabalhar com as fotos de bancos de imagens, não hesite em explorar os grandes benefícios desse recurso em seu trabalho!

Utilizando fotografias de bancos de imagens econômicas em alta resolução, você poderá obter designs profissionais com maior impacto visual, em menos tempo e maximizando seus lucros. Você pode comprá-los em qualquer um dos 6 melhores bancos de imagens do mercado!

Como você vai usar as fotos nos seus próximos projetos? Você tem dúvidas que não foram respondidas neste guia? Deixe seu comentário!

Eu sou Diretora de Conteúdo, Pesquisadora e Autora da Stock Photo Press e de suas muitas publicações sobre mídia de estoque. Eu sou uma comunicadora apaixonada pelo conteúdo visual e possuo uma sede inesgotável de conhecimento. Tive a sorte de entrar no mundo das fotografias de acervo trabalhando lado a lado com renomados especialistas. Sou feliz em compartilhar com toda a comunidade criativa minhas pesquisas, opiniões e conselhos sobre direitos de uso de imagens, ofertas de ações fotográficas e da indústria de mídia de ações. Minha formação é em Comunicação e Jornalismo, e amo literatura e artes cênicas.

Ficaremos felizes em ouvir seus pensamentos

      DEIXE UMA RESPOSTA