Google está Criando um Filtro Identificador de Fotos de Bancos de Imagens

No Congresso CEPIC de 2019, um evento focado em fotografia que aconteceu na Europa na semana passada, o Google anunciou que está trabalhando em uma nova função com o objetivo de destacar e até mesmo filtrar fotos de bancos de imagens quando pesquisadas através do Recurso de Pesquisa de Imagens do Google.

Ainda hoje, muitas pessoas continuam pensando que, quando precisam de uma foto para um projeto, podem simplesmente procurar no Google e imaginam que “como as encontraram no Google, elas são grátis”. Que grande erro! Nós já respondemos a essa pergunta no artigo “Posso ou não utilizar imagens encontradas no Google“.

Essa nova função no mecanismo de pesquisa do Google permitirá que os compradores de fotos pesquisem e encontrem fotos de bancos de imagens licenciadas diretamente no Google, um recurso que muitos de vocês desejaram por muito tempo.

Além disso, a função visa tornar as informações sobre direitos autorais mais claras e mais visíveis, algo que as agências e os autores das imagens pediram há muito tempo, visando reduzir o roubo de imagens que acaba prejudicando seus negócios e o de seus colaboradores.

Veja os detalhes completos!

Uma Identificação Específica para Fotografias de Banco de Imagens no Mecanismo de Pesquisa Google

No Congresso CEPIC deste ano, realizado de 5 a 7 de junho de 2019 em Paris, o Google anunciou o desenvolvimento de uma nova função para detectar e pesquisar fotos de bancos de imagens em sua plataforma.

Não disponível ainda, essa futura nova função adicionará uma classificação para fotos de bancos de imagens licenciadas que são indexadas pelo poderoso mecanismo de pesquisa do Google, o que significa que todas as imagens que aparecerem nos resultados da pesquisa de imagens do Google serão claramente marcadas como banco de imagens.

Também, algo útil para compradores de fotos é que, segundo afirma a empresa, haverá um filtro onde será possível selecionar para encontrar apenas fotos de bancos de imagens na sua pesquisa.

Basicamente, isso permitiria que você encontrasse as imagens ideais para seus projetos apenas por pesquisar no Google. No entanto, até o momento, os resultados em suas plataformas não incluem detalhes de licenciamento ou preços. Caberá a cada agência de fotos se organizar e decidir como exibir essas informações para os compradores em potencial e/ou para os compradores seguirem até o site de origem para encontrar o que precisam.

Tornando as Imagens do Google mais Justas e Seguras

Esta funcionalidade adicional pode ser um “divisor de águas” na hora de pesquisar e usar fotos encontradas on-line em seus projetos.

Nós já havíamos alertado em outro post sobre os perigos de usar fotos do Google em seus projetos, e a principal razão de termos feito isso foi devido ao fato de que, nos resultados da pesquisa de imagens do Google, você não sabia quais fotos eram livres de direitos autorais (quer estivessem no domínio público ou sob uma forma de licença Creative Commons para uso livre) e quais eram protegidas por direitos autorais e licenciáveis (que você precisaria pagar para utilizá-las).

Na verdade, várias grandes agências de fotografia já levantaram suas preocupações gerais sobre o mau uso dos resultados da Pesquisa de Imagens do Google e como a indexação de imagens desses bancos estava abrindo as portas para os usuários cometerem a violação de direitos autorais.

Ter uma maneira eficaz de identificar e até mesmo filtrar as imagens desses bancos é de grande ajuda para eliminar esses riscos e também é uma abordagem mais amigável para autores e agências de fotografia, pois tornaria os detalhes de direitos autorais e de licenciamento mais visíveis e acessíveis.

Basicamente, isso tornaria mais fácil de você ver que precisa pagar por uma imagem e onde fazer isso, a fim de fazer um pagamento justo e legal pelo trabalho de artistas e agências. Além disso, ao usar fotos de bancos de imagens licenciadas, você não precisa se preocupar com o fato de alguém contestar, alegando que você está usando o trabalho dele sem o seu consentimento.

Melhorando a Experiência de Pesquisa para Compradores de Fotos

Algo mencionado pelos desenvolvedores dos produtos Google em torno deste anúncio é que há uma reclamação comum dos usuários: eles acham difícil ou irritante usar os mecanismos de pesquisa nativos (provenientes das agências de fotografia).

Embora acreditemos que a maioria das principais agências do mercado tenham ferramentas de pesquisa realmente avançadas, rápidas, precisas e super fáceis de usar, entendemos que nada se compara com você pesquisar no Google e conseguir facilmente as imagens que precisa, pois o Google chega mais próximo do que qualquer outra ferramenta.

Portanto, esse recurso pode muito bem ser exatamente o que muitos de vocês estavam esperando em termos de experiência de pesquisa para fotografia online!

Conceitos Conectados: Metadados e Direitos Autorais

Outro conceito interessante que foi explanado por diferentes palestrantes no Congresso CEPIC de 2019 foi o do metadados de imagem e sua importância fundamental para a aplicação de direitos autorais.

Como mencionamos, um dos maiores problemas na busca de imagens no Google é que as informações de direitos autorais (até então) não são tão claras para o internauta comum. Muitos diriam que, se você encontrar uma foto usando o Google, seu uso é gratuito. Isso acarretaria em todos os tipos de problemas legais, desde violação de direitos autorais e uso não autorizado, até a violação do direito à privacidade.

O que muitos especialistas discutiram neste congresso foi que, em nossos tempos altamente digitais e especialmente em plataformas como o Google, os metadados (informações incorporadas nos arquivos de imagem) tornam-se críticos para identificar e exibir os detalhes de copyright necessários para a utilização legal das imagens.

Embora, como já falamos, o Google não tenha planos de incluir detalhes de licenciamento e preços em seu rótulo (identificação) de fotos de bancos de imagens Google, destacando o status licenciado e protegido por direitos autorais dessas imagens nos seus resultados de pesquisa, seria muito mais fácil de identificar ​​e muito mais simples de enquadrar na agência de fotos correta para completar o processo de licenciamento e obter sua foto de forma legal e segura.

De forma geral, acreditamos que esse mecanismo pode ter um efeito considerável na maneira como você pesquisa e trabalha com fotos de bancos de imagens em seu processo criativo.

O que você acha desse novo mecanismo de busca de imagens do Google, que facilitará a identificação de imagens de bancos de imagens? Comente!

Eu sou Diretora de Conteúdo, Pesquisadora e Autora da Stock Photo Press e de suas muitas publicações sobre mídia de estoque. Eu sou uma comunicadora apaixonada pelo conteúdo visual e possuo uma sede inesgotável de conhecimento. Tive a sorte de entrar no mundo das fotografias de acervo trabalhando lado a lado com renomados especialistas. Sou feliz em compartilhar com toda a comunidade criativa minhas pesquisas, opiniões e conselhos sobre direitos de uso de imagens, ofertas de ações fotográficas e da indústria de mídia de ações. Minha formação é em Comunicação e Jornalismo, e amo literatura e artes cênicas.

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply